De volta à estrada

Share

Esse é um post curto, só pra atualizar vocês dos nossos últimos dias e da nova fase da viagem.

Depois de uma passagem relâmpago pelo Brasil no fim de janeiro, empacotamos as nossas coisas para voltar à estrada. Foi bom ter por alguns dias o conforto de casa e principalmente ver nossas famílias e o dog, mas tínhamos a sensação de que se ficássemos mais iríamos perder muito o ritmo da viagem. E isso não é bom, já que rola toda uma preparação psicológica por trás…rs

Nossa despedida no aeroporto.

Nossa despedida no aeroporto.

(No meu caso parece mesmo que perdi um pouco desse ritmo. Voltei mais saudosa e também fazendo um monte de perguntas sobre a viagem – e esperando respostas rápidas…rs. Mas depois me lembro que elas vão sendo respondidas com o tempo, como já foram na primeira fase. Tudo o que preciso é relaxar e deixar as coisas fluírem naturalmente, dando tempo ao tempo).

Mas enfim, também aproveitamos os últimos dias do Brasil para finalmente comprar as nossas passagens aéreas de volta ao mundo (depois vamos escrever um post falando sobre isso) e no dia três de fevereiro embarcamos pro Peru.

Vou dizer que estou sentindo uma virada brusca nesse começo.

A diferença com o turismo que tivemos na Europa é gritante e pra mim, especialmente, está sendo difícil re-assimilar algumas verdades, como a pobreza, o barulho e a desorganização. Mas também nesses poucos dias aqui já descobri algumas coisas que não tivemos no antigo continente – especialmente em relação às pessoas. Senti dos peruanos muita sinceridade e leveza na forma de viver e isso muito me encanta e interessa. Então, acho que vai ser um jogo de compensações.

O Ti se habitua mais rápido e já entrou total no clima.

O Ti se habitua mais rápido e já entrou total no clima.

Bom, e quem quiser nos encontrar nos próximos três meses, estaremos nas Américas!! A idéia é subirmos até os Estados Unidos, passando por oito países: Peru, Equador, Colombia, Panamá, Guatemala, Belize, México e EUA.

Então, se você tiver programação de férias por aqui nesse período, avisa a gente :)



About

28 anos, Relações Públicas e "mãe" da Mafalda. Cresceu no interior de SP, viveu 10 anos na capital. Aprendeu a dirigir, trabalhar e se virar. Mas continuou sem gostar de comer tomate com pele, ter as unhas compridas e de ficar sozinha.


Comments

'De volta à estrada' have no comments

Be the first to comment this post!

Would you like to share your thoughts?

Your email address will not be published.

Images are for demo purposes only and are properties of their respective owners. Old Paper by ThunderThemes.net