Nos hospedamos perto da praia de Haad Yao, onde todo mundo senta pra admirar o pôr do sol no fim do dia

Tailândia – na nossa lista das melhores praias do mundo

FacebookTwitterGoogle+Compartilhar

Há quatro anos a gente visitou a Tailândia pela primeira vez, numas férias que foram as mais esquisitas da minha vida e as melhores da vida do Ti! rs. Cada um voltou de lá com uma impressão completamente diferente: ele pirou com toda a novidade e se jogou de cabeça na experiência, e eu deixei o choque cultural me impressionar a ponto de ficar meio tensa para curtir a viagem.

É verdade que a Tailândia é bem diferente pra gente que está no Brasil, porque quase não temos referência dessa cultura no nosso dia – nós dois, pelo menos, crescemos comendo arroz com feijão e indo na missa aos domingos! rs. Já lá você se vê monge budista em todas as cidades, muita comida de rua espetada no palito, o cheiro de tudo é bem diferente, a cor das construções é mais vibrante…Muita coisa curiosa, pra quem está de cabeça aberta aproveitar demais! Além disso, tem o “master plus”  das praias paradisíacas, dos templos, da natureza e de uma vibe chill out que quase não se vê em outros lugares do mundo.

DSC_3160

Eu entendi melhor isso nessa segunda passagem – depois que nós já tínhamos visto meio mundo – e finalmente aproveitei a Tailândia como se deve, aliás, aproveitamos.

Como queríamos muito ver mar, o Ti sugeriu de irmos pra uma ilha e ficarmos, só pulando de praia em praia. Escolhemos Koh Phangnam, estacionamos nossas mochilas num bangalô, alugamos uma scooter e levamos 12 dias de “caiçaras”.

 

DSC_3313

Pagando USD5 por dia, dá pra alugar uma scooter e rodar a ilha inteira

E parece que a Ásia finalmente caiu no gosto dos brasileiros e a Tailândia virou o destino da modinha. Em 2011, quando passamos 25 dias lá, só cruzamos com uma paulistana, mas desta vez ouvimos muito português. Até por isso escrevemos um post pro 360 Meridianos contando mais sobre essa ilha e sobre o seu arquipélago  -no Golfo -, que pra nós é o melhor de toda a Tailândia.

Ele é formado pelas ilhas de Ko Samui, Ko Phangnan (a que ficamos) e Ko Tao. As três com praias de areia incrivelmente branca, água de mar azul-turquesa, sol brilhando quase todos os dias do ano, além de uma infinidade de casas de massagens, frutos do mar frescos e festas à beira-mar. Sem dúvidas, esse é um dos trechos de praias mais privilegiados do mundo!

Nós escolhemos Ko Phangnan porque ela está no meio do caminho entre as outras duas: ainda não é forrada de resorts e hotéis, mas tem uma infra legal pra comer e se hospedar, e lá estão as praias que mais gostamos.  Quem é mais do perfil “viajante independente” e está em busca de bangalôs rústicos e uma rede para assistir o pôr do sol, esse é o lugar!

DSC_3412

Nós matamos as saudades de algumas praias pacatas e paradisíacas mais ao norte, como Bottle Beach, e conhecemos algumas novas que entraram pro Top list: Thong Nai Pan Noi e Secret Beach. O interior da ilha também é outro deslumbre da natureza. Quase todo inabitado, tem uma mata muito bonita.

Thong Nai Pan Noi

Thong Nai Pan Noi

Secret Beach

Secret Beach

Depois de um dia lindo em Botlle Beach, pegamos um temporal casca no mar!

Depois de um dia lindo em Botlle Beach, pegamos um temporal casca no mar!

Para hospedagem escolhemos a praia de Had Yao – que também já éramos fãs – e pagamos USD17 pelo bangalô, com café da manhã e piscina!!! O Ti se empolgou tanto na natação que teve um pequeno acidente que lhe rendeu 3 pontos na cabeça e 1 rasgo no nariz…rs

DSC_3422

Uma curiosidade da ilha:

Ko Phangnan ficou conhecida pela famosa Full Moon Party, uma festa à beira-mar que aconteceu pela primeira vez em 1988 e se tornou lendária entre viajantes mochileiros. Por isso, o sul é hoje muito frequentado pela galera que está atrás da badalarão.

Apesar da popularidade, muita gente critica o rumo que a festa tomou ao longo dos anos, alegando que se tornou um evento trash, puramente comercial e com muita droga – que é expressamente proibida na Tailândia, podendo acarretar em penas bem severas. Mas mesmo com as opiniões bastante divididas, o evento ainda costuma lotar a ilha todos os meses e já ganhou até outras versões para outras fases da lua, como a Half Moon Party.

Chegamos na noite da Full Moon e encontramos a galera se preparando pra festa. Pintar o corpo com cores fluorescentes é uma super tradição

Chegamos na noite da Full Moon e encontramos a galera se preparando pra festa. Pintar o corpo com cores fluorescentes é uma super tradição



About

28 anos, Relações Públicas e "mãe" da Mafalda. Cresceu no interior de SP, viveu 10 anos na capital. Aprendeu a dirigir, trabalhar e se virar. Mas continuou sem gostar de comer tomate com pele, ter as unhas compridas e de ficar sozinha.


Comments

'Tailândia – na nossa lista das melhores praias do mundo' have no comments

Be the first to comment this post!

Would you like to share your thoughts?

Your email address will not be published.

Images are for demo purposes only and are properties of their respective owners. Old Paper by ThunderThemes.net